Buscar
  • ForBeer

Curso grátis do Sebrae com a Consumer apoia bares


O segmento de alimentação foi um dos mais afetados pela pandemia. Por esse motivo, o Sebrae São Paulo criou um curso gratuito e online para ajudar empresários de todo o Brasil que precisam reestruturar seus negócios e retomarem as atividades. A ação tem como principal objetivo aumentar a produtividade e competitividade das empresas a partir de melhorias rápidas, de baixo custo e de alto impacto por meio de consultorias especializadas e acompanhamento contínuo. O curso terá início no dia 7 de março com duração até o dia 9 (do mesmo mês). As inscrições vão até o dia 28 de fevereiro e estão sendo realizadas diretamente pelo site do Sympla.

Podem participar empreendedores e gestores MEI (Microempreendedor Individual), ME (Microempresa) e EPP (Empresa de Pequeno Porte) do ramo de alimentação e bebidas.

O conteúdo apresentará os seguintes temas: Tendências e Desafios para o Setor de Alimentação, Mídias Sociais, Legislação Trabalhista, Ferramentas de Caixa, Capital de Giro e Crédito, Inovação nas Vendas, Planejamento e Logística. O delivery, principal impulsionador do setor de alimentação, terá uma abordagem especial. Por isso, o Sebrae fechou uma parceria com a Consumer, startup especializada em soluções para o setor food service, para falar sobre o tema.

Renato Almeida, CEO da Consumer, destaca:

“O delivery se tornou indispensável para quem possui um estabelecimento gastronômico. E existem algumas maneiras e ferramentas que otimizam os processos, reduzem custos e aumentam a produtividade na produção e entrega dos produtos. Essa soma de fatores torna o serviço de entrega um diferencial competitivo. Irei falar justamente sobre isso. Meu intuito é ajudar os empresários a ter um delivery campeão.”

Almeida fala se sentir grato em apoiar o setor através da parceria.

“Ainda mais nesse momento complicado que vivemos. Entregar informação de valor e que ajude os empresários a melhorar sua operação e sua gestão na prática, realmente será muito válido para todos! Não só o empresário envolvido, mas toda a cadeia alimentícia e econômica se beneficiará”, diz.

O curso será dividido em três fases e somará rodadas de negócios, interação com ecossistemas de inovação, troca de experiência em grupos, entre muitos outros pontos.

Empresas ME e EPP do estado de São Paulo que participarem da primeira fase, tiverem pelo menos 75% de frequência e realizarem a consultoria poderão participar do Programa ALI – Agente Local de Inovação – o que permitirá ao empresário o acompanhamento exclusivo de um agente do Sebrae (gratuitamente) durante quatro meses. E no caso, esse acompanhamento poderá ser presencialmente ou virtual.

Para promover a ação, o Sebrae buscou ainda parceria com outras instituições e empresas, e espera impactar mais de 500 empresários de alimentação, além de influenciar significativamente para o aumento do índice de sobrevivência dessas pequenas.

Fonte: Notícias RSS / Revista Beerart.com

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo